Você sabe a diferença entre a correia e a corrente?


Corrente Metálica. | Foto: AdobeStock

Uma das dúvidas mais recorrentes no nosso setor é a escolha entre a correia dentada e a corrente metálica. Enquanto uma é mais barata, a outra dura mais tempo!


A corrente, apesar de ser menos elástica, dura mais por ser feita de metal. Ela se mantém conservada e em funcionamento durante toda a vida útil do motor e não precisa de troca periódica. No entanto, essa peça precisa de outras correias para manter as peças periféricas em movimento.


Correia Dentada. | Foto: AdobeStock

Responsável por conciliar o movimento de peças diferentes do motor, como o comando de válvulas e o virabrequim, a correia dentada é mais elástica que a corrente. Isso quer dizer que ela consegue sincronizar sozinha o movimento de diferentes partes do motor sem a ajuda de outras peças. Porém, ela precisa ser trocada quando o fabricante aconselha, para evitar que se desgaste e se quebre.


Além disso, as correntes são mais caras e são usadas, normalmente, em motores grandes, enquanto as correias podem ser usadas em motores de pequeno e médio porte e são mais baratas. É importante lembrar ainda que as maiorias dos carros atuais não precisam mais trocar a correia a cada 6000 km rodados, uma vez que agora essa peça pode aguentar até o dobro de quilômetros.





#FreioMotor #Correia #Corrente #CorreiaDentada #AutoPeçasVieira

63 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo