• Autor

Conheça os principais sinais de problema na vela de ignição.

Atualizado: 23 de ago. de 2021

Apesar de ser uma peça pequena e simples, a vela de ignição do carro tem função primordial para o funcionamento do veículo. Ela fica encaixada na cabeça do cilindro e é responsável por criar a faísca que gera a explosão devido a mistura de ar com combustível. Essa explosão causa a movimentação do pistão e permite o funcionamento do motor.


Principais sinais de problemas na vela de ignição. | Foto: AdobeStock

Por isso, caso a vela esteja com algum problema, o carro vai dar sinais. Entre eles estão o maior consumo de combustível, a perda de potência e um certo descontrole na emissão de gases poluentes na natureza.


Para evitar que isso aconteça, atente-se aos sinais:

  • Dificuldade na partida do carro:

Se o motor demorar a ligar ao virar a chave, isso pode ser um indício de que as velas vão dar problema. Isso acontece porque os eletrodos dos componentes se desgastam devido às faíscas geradas entre eles. Assim, os cantos dos eletrodos se desgastam, o que aumenta o espaço entre eles. Por isso, para gerar a centelha é exigido um maior esforço, o que afeta a capacidade da bobina e o veículo passa a ter problemas ao dar partida.

  • Carro engasgando:

Se você acelerar o carro e ele ficar engasgando, isso pode ser porque a força do motor não está agindo corretamente. Possivelmente, as velas podem estar ruins ou com sujeiras acumuladas, por isso o combustível não é queimado corretamente.

  • Desempenho ruim:

O desgaste dos eletrodos também interferem no desempenho do carro, uma vez que o espaço criado entre eles, prejudicará o motor com o tempo, fazendo-o render menos. O acelerador responde de forma mais lenta e o carro passa a demorar a arrancar e a embalar na velocidade que o motorista quer. Isso acontece porque as velas criam a faísca que faz a explosão, se essas peças estiverem com problemas, elas não vão conseguir queimar o combustível de forma correta e satisfatória, o que vai gerar a perda de desempenho do veículo.

  • Maior consumo:

No mesmo sentido do ponto anterior, se as velas estiverem desgastadas, elas não vão fazer a explosão de forma correta, ou seja, o combustível não vai ser queimado corretamente. Por isso, o carro vai precisar consumir mais.


Recomenda-se que a vela seja verificada a cada 10 mil quilômetros rodados. Sua troca costuma ser feita entre 40 mil e 50 mil quilômetros. No entanto, é importante verificar o manual do seu veículo e seguir as normas do fabricante.


#VelaDeIgnição #Carro #Caminhão #Ignição #AutoPeçasVieira

66 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo