Conheça as funções do anel de segmento do seu veículo

Apesar de ser uma peça pequena, o anel de segmento é muito importante para o funcionamento do motor de combustão. Se ele der problemas pode afetar o volume de gás do escapamento, a potência do motor e aumentar o consumo de óleo. Além disso, o anel é responsável por controlar o fluxo de óleo nas paredes do cilindro e fazer a vedação do sistema de combustão.


Anel de segmento: conheça as suas funções. | Foto: AdobeStock

Essa peça se encaixa na parte de cima do pistão e evita o atrito entre o pistão e a parede do cilindro. Desse modo, sua função também é vedar o óleo do motor e os gases de combustão, evitando que os mesmos entrem em contato com as outras partes do motor e conseguindo auxiliar no controle da temperatura do motor.


A quantidade de anéis depende do modelo do carro, porque cada motor pode ter de três a cinco anéis de segmento, no entanto, o mais comum é ter três:

  • O anel de compressão: ele fica na parte mais quente do pistão e sua função é impedir que os gases da combustão cheguem ao interior do cárter.

  • O anel de raspagem: é responsável por fazer a retirada de óleo de dentro do cilindro, ele deixa apenas uma fina camada para evitar o atrito entre os anéis e a parede do cilindro. Ele também ajuda na administração da compressão, ajudando o primeiro anel.

  • O anel de óleo: fica responsável por conduzir o excesso de óleo retirado pelo anel de raspagem e levá-lo até o cárter.

Para evitar problemas nessa peça do motor, fique atento aos sinais: muita fumaça saindo pelo escapamento, aumento no consumo de óleo, o aumento da emissão de gases poluentes e a diminuição do desempenho do motor podem indicar defeitos. É importante fazer a revisão preventiva para diminuir os riscos de problemas.





#AnelDeSegmento #Anel #Motor #ComponentesDoMotor #AutoPeçasVieira

185 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo